Começou 2022 e seu principal pensamento foi “eu preciso de ideias de empresas para abrir esse ano”? Sabemos que, no início de um novo ano, a vontade de fazer acontecer fica ainda mais evidente, já que essa época remete muito à realização de sonhos. O grande desafio é encontrar referências para que essas ideias saiam do papel e se tornem realidade.

Continue lendo e saiba mais…

Porém, empreendedorismo nem sempre é sinônimo de dinheiro no bolso e garantia de sucesso. Antes de ser empreendedor e colocar as ideias em prática, diversos fatores devem ser considerados.

Segundo Camila Silveira, especialista em consultoria de desenvolvimento empreendedor, muitas pessoas que ficaram desempregadas no decorrer da pandemia decidiram empreender. O erro foi que elas apostaram somente na capacidade técnica que adquiriram e desempenharam quando trabalhavam para uma empresa.

Silveira explica que muitas dessas pessoas acabam enfrentando dificuldades em mostrar suas habilidades e conhecimento ao mercado. De acordo com a especialista, empreender é muito mais que isso, uma vez que não basta somente ter o conhecimento técnico sobre sua área de atuação.

Certamente, conhecer os rumos que o comércio e demais setores estão tomando irá facilitar o seu planejamento para 2022 e fazer você se preparar da melhor maneira para movimentar suas vendas.

Para encontrar as áreas mais aquecidas, é preciso compreender as tendências e os acontecimentos ao nosso redor. Nesse sentido, ainda que as pessoas já estejam se preparando para o “novo normal”, a pandemia ainda tem forte influência mercadológica. 

Até porque, por mais que as medidas de distanciamento tenham sido amenizadas e outros acontecimentos tenham marcado a sociedade, o período pandêmico transformou os hábitos de consumo muito profundamente, e isso ainda reverbera muito no mercado atual.

Hoje, há uma grande preocupação com a qualidade dos alimentos que consumimos e, ao mesmo tempo, as pessoas querem opções práticas e rápidas (porque quase ninguém tem tempo para ficar cozinhando durante horas).

É por isso que a venda de alimentos congelados é uma excelente opção comercial. Se você tem a capacidade de cozinhar, esta é uma boa possibilidade, e pode começar com pouco investimento, até mesmo atraindo clientes do seu ambiente social.

Agradecemos Seu Voto!

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.