Alguns fatores podem influenciar no preço do Dólar, e para entendê-los, o principal conceito a se ter em mente é a lei da oferta e da demanda. Ou seja, quanto mais pessoas no mercado financeiro querem a moeda, mais valorizada (cara) ela fica. 

Continue lendo e saiba mais…

Por isso fatores políticos e econômicos de um país costumam influenciar bastante. Porque eles vão atrair ou afastar o capital estrangeiro, fazendo com que a moeda entre em maior ou menor quantidade.

O Dólar é a moeda oficial dos Estados Unidos e de outros 4 países. Além disso, é a moeda mais utilizada no mundo inteiro, tanto na livre circulação como em reservas internacionais e negociações comerciais. Em 2013, havia US$ 2,7 trilhões de Dólares em circulação e estima-se que 2 terços desse dinheiro circulem fora dos Estados Unidos.

A influência na cotação do Dólar tem relação com a economia dos principais países do mundo, como por exemplo a China e o próprio EUA.

Além disso, os contratos de importação e exportação entre os países, as reservas internacionais de Dólar retida pelo Banco Central, as operações que o Banco Central realiza para lidar com a alta ou a baixa do Dólar, e as notícias relacionadas com a política e economia norte americana também influenciam fortemente a cotação da moeda.

Por ser uma moeda de importância global, ela também atrai a atenção de investidores que buscam lucrar com a oscilação da moeda. Mas isso não ocorre comprando notas de dólar e esperando que elas se valorizem.

Os investimentos em dólar acontecem, em sua maioria, de forma organizada, dentro da Bolsa de Valores e semelhante ao investimento em ações. Esse tipo de investimento oferece excelentes oportunidades, especialmente para quem busca opções de investimento mais agressivas e rentáveis no curto prazo.

É por isso que o dólar hoje é a moeda mais importante do mundo e influencia, direta ou indiretamente, o nosso cotidiano. Aprender sobre o mercado é muito importante para evitar surpresas desagradáveis no seu planejamento financeiro, como a alta dos preços de produtos cotados em dólar ou do orçamento da sua viagem.

Quando o valor dessa moeda sobe ou desce, você tem duas opções: sofrer os impactos no seu bolso, ou aproveitar as oscilações com inteligência e lucrar com as oportunidades que surgem.

Agradecemos Seu Voto!

3 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.